Ação social

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Para criar um ambiente positivo e experiências positivas para as crianças e os adultos, a Baby House desenvolve uma serie de ações com foco em benefícios sociais.

Inspiração Pedagógica

A primeira dela é a exposição do trabalho educativo da própria Baby House. Abrindo mão da lógica de "concorrência nos negócios", expomos nosso trabalho a fim de inspirar famílias e educadores de instituições públicas e privadas na busca de uma educação criativa, cooperativa, contemporânea e ética.

Isto se dá de diferentes formas, como através deste site, da apresentação de trabalhos em encontros e congressos de educação e também do acolhimento de visitas de profissionais (sejam de outras cidades ou estados ou mesmo de escolas vizinhas).

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Em 2014 a Baby House conduziu exposição e oficinas em Reggio Emilia, na Itália, no Reencontro Internacional de Educadores Freinet, evento com a presença de mais de 500 educadores de 40 países. Esperamos que esta ação possa inspirar não apenas a cópia de palavras para discursos ou ações de marketing vazias de conteúdo, mas mudanças verdadeiras.

Reconhecimento do professor e dos profissionais de Educação Infantil

A Baby House foi uma das primeiras instituições de educação infantil de Porto Alegre a fazer cumprir o texto original da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que prevê que todas as turmas em Educação Infantil devem ficar sobre a responsabilidade de profissionais de nível superior, formadas em Pedagogia e contratadas como professor (e não como recreacionista, monitor, técnico em desenvolvimento infantil ou outras, como ainda acontece em muitas instituições de Educação Infantil). Assim, desde o início de 2007, as titulares de todas as turmas, de Berçário a Jardim, são contratadas com carteira assinada como professor(a).

A postura afirmativa da Baby House influenciou e influencia as demais instituições a também fazerem este reconhecimento, qualificando os profissionais de Educação Infantil e suas condições de trabalho. A Baby House, inclusive, participou da redação da histórica Convenção Coletiva Sinpro-Sindicreches de 2005, publicada em 2006, marco para este reconhecimento e referencial até os dias de hoje.

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Além disso, na Baby House todas as educadoras assistentes são contratadas e não há estagiários(as).

Doações

Outro ponto que trabalhamos é uma rotina consistente de doações. Materiais doados pelas crianças, pelas famílias e pela própria Baby House são repassados atualmente principalmente para três escolas – uma escola comunitária de Viamão, uma escola alternativa também de Viamão e uma escola rural de Minas Gerais, além de doações pontuais para outras instituições. Temos certeza que o principal beneficiário destas ações é a própria comunidade da Baby House, ao exercitar a solidariedade, plantar sementes positivas e ampliar sua percepção de mundo.

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Software Livre

Uma forma diferenciada de ação social é o engajamento da escola no movimento de Software Livre. Desde 2008, adotamos em todos os setores da escola programas de computador de código aberto, criados e aprimorados coletivamente por programadores e instituições sem fins lucrativos. Além disso, ainda capacitamos crianças e adultos no uso de softwares livres. Para quase todos, é o primeiro contato com esse tipo de programa. Essa iniciativa da Baby House inclusive foi tema exclusivo de palestra no 13º Fórum Internacional de Software Livre, em Porto Alegre, em 2012 e gerou indicação do Sebrae para um Prêmio Nacional de Inovação.

Sustentabilidade

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Outro foco de nossa ação é a sustentabilidade. Além das ações diárias com as crianças, desenvolvemos ações específicas. Um exemplo é nosso posto de recolhimento de pilhas usadas – um problema bastante presente, pois elas têm muitos brinquedos que usam pilhas que não podem ser descartadas no lixo comum. Ou a implantação de iluminação de LED, para reduzir a emissão de calor e o consumo de energia, ao mesmo tempo que qualificando a iluminação da escola. Ou, ainda, a manutenção de chás e temperos nos jardins da escola. Além disto, o respeito aos animais é um ponto central em nossa pedagogia.


Como mencionado, ações como esta visam não só seus resultados imediatos, mas também estimular em todos a experiência da cooperação e da solidariedade como parte do projeto pedagógico da Baby House.


Siga acompanhando:

Projetos que surgem das perguntas das crianças

Voltar para a capa