Nossa proposta

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Na Baby House praticamos um projeto educacional que se preocupa em formar as crianças para a vida, para o viver coletivo com o outro. A educação, como um processo que dura toda a vida, deve oferecer as bases que sustentem o aprender a aprender, a fazer, a conviver e a ser, de forma plena.

Freinet, nossa referência pedagógica

Para realizar este objetivo, temos como referência a Pedagogia Freinet, uma proposta contemporânea baseada em valores e voltada ao aprendizado através do diálogo, da cooperação, da pesquisa, da solução de problemas reais e do respeito às características de cada um. Ao mesmo tempo, estimula que cada um desenvolva o respeito aos demais.

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Célestin Freinet cursava Magistério na França quando a Primeira Guerra o obrigou a interromper seus estudos. Foi ferido durante os combates e, quando voltou a exercer o ofício de professor, não podia falar por muito tempo por conta de problemas pulmonares. Isso, e mais o desejo de instigar as crianças à cooperação amorosa, o levou a criar um método de ensino no qual os alunos compunham seus próprios trabalhos, discutiam e editavam na forma de jornais mimeografados. Já nos anos 20, Freinet já apostava no protagonismo dos alunos e numa maior interatividade no processo educativo.

A proposta do trabalho de Freinet e, portanto, da Baby House, é ser natural, orgânico, respondendo às curiosidades e anseios das crianças e não a um currículo pré-definido. Ano a ano, cada vez mais as famílias se surpreendem com os resultados educacionais obtidos, seja na leitura e escrita, nos conteúdos dominados pelas crianças ou na sua capacidade de lidar com as diferentes situações da vida.

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Tudo faz parte da Pedagogia

Tanto as atividades relacionadas aos projetos pedagógicos quanto as atividades da rotina (alimentação, higiene, sono, circulação na escola e exploração do espaço e dos brinquedos) acontecem de forma integrada, visando o desenvolvimento da criança nos seus múltiplos aspectos.

Os espaços e brinquedos têm objetivos específicos: são usados como motivadores para o acolhimento, a troca, a exploração e a descoberta. A organização dos espaços é parte do nosso projeto educativo. As salas são dispostas de acordo com as características das crianças em sua faixa etária, sendo que nas salas das turmas elas participam diretamente desta organização e nelas constroem elementos associados às suas brincadeiras e projetos.

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

A arte é outro importante pilar do nosso projeto educativo. Proporciona vivências ricas e grande aprofundamento cultural, especialmente através das artes visuais, da música e do cinema, seja nas atividades complementares ou nos projetos pedagógicos das turmas.

As crianças ainda têm a oportunidade de participar de atividades externas – as “atividades-passeio” – que proporcionam diversão, enriquecimento cultural e contato com a natureza.

Documentação, a narrativa do caminho

A documentação é uma vertente importante da nossa proposta. Documentar é narrar a vida – a vida das crianças na Baby House.

Nossas fotos não são publicitárias, são da escola de verdade!

Além dos registros diários na agenda escolar, as famílias acompanham todo o trabalho através de registros em portfólio físico, onde as atividades das turmas são apresentadas em formas de relatos bissemanais, enriquecidos com os permanentes trabalhos realizados pelas crianças e com o relato individual da criança.

Além disso, temos murais com trabalhos e fotos, reuniões coletivas, festividades e apresentações, que permitem às famílias acompanhar a constância e a efetividade do trabalho educacional, altamente reconhecido.


Siga acompanhando:

Histórico e influências

Voltar para a capa